• 03/08/2013// Por: Taty Ferreira

    Mulheres também são apaixonadas por carro

    metendo-a-boca

     

    Tem algo na publicidade que me deixa chateada, nem é por feminismo (até porque não sou feminista), ou por qualquer outro ‘ismo’, é mais por gosto pessoal mesmo.

    Eu fui daquelas pessoas que custou esperar completar 18 anos para dar entrada no processo para ter habilitação. Quando faltavam 5 dias para ser maior de idade eu já estava com o recibo da auto escola em mãos aguardando ansiosamente os dias passarem para fazer o psicotécnico.

    Sempre adorei carros, nunca fui muito fã de motos, mas automóveis sempre me fascinaram, gosto de saber sobre lançamentos, motores, novas tecnologias, dicas para dirigir melhor, dou palpite em compra de carro alheia, pesquiso preços e adicionais de carros que sequer tenho previsão para comprar, enfim, gosto de estar por dentro, nem que seja apenas por estar por dentro.

    Sou daquelas que passa o final de semana lavando, limpando e cuidando do carro, tenho ciúme e chega a me doer um órgão interno quando passo por algum buraco sem cuidado.

    Tenho  preferência por sedans, grandes e largos, imponentes, agressivos, com motores potentes e beberrões, ou seja, totalmente o contrário do que qualquer pessoa imaginaria para uma mulher.

    O  que acontece, ainda hoje,  mesmo as mulheres tendo poder de compra, mesmo com seguros automobilísticos sendo mais baratos para mulheres e mesmo com o número do motoristas do sexo femininos terem aumentado 60% nos últimos anos, é que eu NUNCA vi uma propaganda de automóvel ser direcionada a mulheres, nem nunca vi mulheres serem chamadas para ações de empresas automobilísticas. Talvez possa até existir alguma propaganda por ai direcionada a mulheres, mas com certeza é de algum carro rosa, ou “delicado”, com motor simples e criado especificamente para ser vendido para as mulheres.

    Não quero dar uma de ‘blogueira da Capricho aqui’, mas talvez este post alerte os publicitários de concessionárias. ou até de montadoras, para o fato de que nós mulheres também podemos ser apaixonadas por carro.


    Gostou? Compartilhe


Taty Ferreira

Blogueira

/acidezfeminina
/acidezfeminina
/AcidGirlTestosterona
/acidezfeminina
/AcidezFeminina
/AcidezFeminina
Olar bandiputo!!!

Natural de Araxá/MG, tem 30 anos, é blogueira, youtuber, empresária, escritora, modelo, atriz e mentirosa. Produz conteúdo para a internet desde 2009 e ama o fato de poder trabalhar usando pijama. Tem uma missão de que é lembrar as mulheres de depilarem seus bigodes. Você, mulher, já depilou seu bigode essa semana?