• 27/01/2017// Por: Taty Ferreira

    Você precisa de um procedimento estético íntimo? Vem ver a opinião de um especialista

    ESTETICAINTIMA

    Como você se sente em relação ai seu corpo? Quais as suas inseguranças?

    O cabelo? A celulite? Os peitos? O nariz? Estrias?

    Essas são inseguranças frequentes das mulheres e todo mundo sabe que existem procedimentos estéticos e farmacêuticos para resolver tudo isso!

    Mas e a sua vagina? 

    Assim como todas as partes do corpo, algumas mulheres estão insatisfeitas com a região íntima. Algumas acham a vagina muito grande, muito pequena, excesso de pele, muito escura e por aí vai!

    O problema, é que diferentemente de um alistamento de cabelo, os procedimentos estéticos íntimos não são conhecidos pela maioria das mulheres.

    Por isso essa semana, eu, Dr. Bruno Jacob vou falar sobre isso aqui no Acidez Feminina.

    A verdade é que não existe um padrão anatômico genital considerado “normal” e quando se fala em estética íntima só existe um fator importante:

    VOCÊ SE SENTE INCOMODADA PONTO DE INTERFERIR NA SUA QUALIDADE DE VIDA?

    E acreditem, interfere muito! Tem muitas mulheres que tem vergonha da própria vagina, e por isso deixam de ter relações sexuais, principalmente oral, ou deixam de sentir prazer e terem orgasmo por estarem “tensas” na hora do sexo. E isso atrapalha a vida conjugal e sexual da mulher.

    Não existe um padrão de beleza em relação a vagina. Diferente do nariz, por exemplo, a ninguém sai vendo a vulva de ninguém por ai o tempo todo na rua, nem nas capas de revista e nem na televisão. Por isso a insegurança aumenta.

    O que a maioria das mulheres não sabe, é que a medicina estética íntima tem evoluído muito nesse aspecto.

    Veja abaixo quais os procedimentos e como funcionam:

    Peeling: Exatamente, com uma técnica específica para a genitália é possível clarear a região.

    Ninfoplastia: Uma cirurgia muito simples, realizada sob anestesia local, que reduz o tamanho dos pequenos lábios e os resultados são ótimos!

    Redução do monte de vênus: Acúmulo de gordura na região do púbis pode causar constrangimento em algumas mulheres. Para isso existe uma cirurgia que funciona como uma pequena lipoaspiração da região.

    Aumento dos grandes lábios: Com o passar dos anos, algumas mulheres podem apresentar uma perda do volume dos lábios, dando um aspecto de que a vagina está “murcha”. Essa cirurgia consiste em enxerto, do próprio corpo ou te materiais sintéticos para devolver o volume.

    Prepúcio clitoriano: Assim como o prepúcio na glande masculina, o clítoris também fica recoberto por um pouco de pele, algumas mulheres podem ter um excesso de tecido na região, o que dificulta as preliminares e pode causar desconforto.

    Aumento do ponto G: Com a injeção de uma substância específica os médicos conseguem uma hipertrofia do ponto G, o que facilita a estimulação feminina.

    Perineoplastia: Essa cirurgia ajuda, e muito, mulheres que passaram por muitos partos vaginais e queixam-se de “alargamento” da região vaginal! Auxilia na perda urinária e nos prolapsos.

    Você deve se sentir bonita em todos os aspectos e isso inclui a região íntima! Não deixe as dúvidas poluírem sua cabeça ou estragar sua vida sexual!

    Por Dr. Bruno Jacob

    Cabeca Bruno Jacob


    Gostou? Compartilhe


Taty Ferreira

Blogueira

/acidezfeminina
/acidezfeminina
/AcidGirlTestosterona
/acidezfeminina
/AcidezFeminina
/AcidezFeminina
Olar bandiputo!!!

Natural de Araxá/MG, tem 30 anos, é blogueira, youtuber, empresária, escritora, modelo, atriz e mentirosa. Produz conteúdo para a internet desde 2009 e ama o fato de poder trabalhar usando pijama. Tem uma missão de que é lembrar as mulheres de depilarem seus bigodes. Você, mulher, já depilou seu bigode essa semana?