• 10/08/2015// Por: Camila Pavani

    Casais tendem a discutir quando estão com fome, explica estudo

    casai-brigando

     

    Uma conversa informal antes do jantar e, pronto, ela já está falando novamente sobre a toalha que você deixou jogada na cama de manhã. Em um impulso, você acaba discutindo por algo completamente fútil. Bom, a culpa disso pode ser a fome. Segundo um estudo da Universidade Estadual de Ohio, casais tendem a discutir quando estão de barriga vazia.

    A justificativa é lógica. Ou melhor, o contrário disso. Nosso cérebro gasta boa parte de nossa energia para funcionar corretamente e, com menos “combustível” no corpo, ele deixa de raciocinar como deveria. Logo, perdemos uma função crucial para um relacionamento: autocontrole. Aquele pensamento maldoso acaba saindo da boca para fora. 

    O método de pesquisa aplicado pelos estudiosos foi bem, digamos, peculiar. Eles estavam pesquisando a relação com taxas de açúcar no sangue e agressão no casamento. Para isso, separaram 100 casais que, após responder um questionário reflexivo sobre sua relação , receberam um boneco vodu com 51 alfinetes. Então, lhes foi solicitado que espetassem o de acordo com sua satisfação com o parceiro. O resultado: aqueles que estavam com fome acabaram precisando de mais agulhas. 

    Agora, quando pressentir que sua esposa ou namorada está prestes a “discutir o relacionamento”, certifique-se que vocês estão satisfeitos. Ah, e esconder alfinetes também pode ser uma boa.

     

    Notícia da Revista GQ


    Gostou? Compartilhe


Taty Ferreira

Blogueira

/acidezfeminina
/acidezfeminina
/AcidGirlTestosterona
/acidezfeminina
/AcidezFeminina
/AcidezFeminina
Olar bandiputo!!!

Natural de Araxá/MG, tem 30 anos, é blogueira, youtuber, empresária, escritora, modelo, atriz e mentirosa. Produz conteúdo para a internet desde 2009 e ama o fato de poder trabalhar usando pijama. Tem uma missão de que é lembrar as mulheres de depilarem seus bigodes. Você, mulher, já depilou seu bigode essa semana?