• 25/08/2016// Por: Camila Pavani

    É claro que já criaram um aplicativo de paquera com o Pokémon Go

    pokemon-go-scribner

     

    A febre do Pokémon Go esta interditando ruas, enlouquecendo fãs, preocupando algumas autoridades e enfurecendo alguns namorados e namoradas. O jogo tem dois efeitos nos relacionamentos: o primeiro é afastar alguns casais que agora preferem caçar Pokémons do que sair pra jantar ou ir ao cinema. E o segundo efeito é bem melhor já que tem muita gente se esbarrando por aí durante a caça e engatando romances.
    Por isso, é claro que uma empresa de games já decidiu capitalizar no fenômeno e criou o primeiro app de paquera para os fãs do jogo. É o PokéDates. Como o nome já explica, é um aplicativo que reúne apenas jogadores e aproxima aqueles com interesses comuns em determinadas áreas.
    Segundo o site, para fazer parte é preciso se cadastrar e responder um questionário sobre suas preferências. Depois, tem que delimitar os horários e lugares que costuma ir enquanto joga. O app, então, liga as informações, encontra um par ideal e agenda um encontro com lugar e horário definidos para o futuro casal.
    Mas apenas o primeiro encontro é grátis. Depois, cada pessoa precisa desembolsar, no mínimo, US$ 20 (aproximadamente R$65). Infelizmente, se você gostou da ideia vai ter que esperar um pouco porque o aplicativo ainda não tem previsão de chegada ao Brasil.

     

    Lá do Vírgula UOL


    Gostou? Compartilhe


Taty Ferreira

Blogueira

/acidezfeminina
/acidezfeminina
/AcidGirlTestosterona
/acidezfeminina
/AcidezFeminina
Olar bandiputo!!!

Natural de Araxá/MG, tem 28 anos, é blogueira, youtuber, empresária, escritora, modelo, atriz e mentirosa. Produz conteúdo para a internet desde 2009 e ama o fato de poder trabalhar usando pijama. Tem uma missão de que é lembrar as mulheres de depilarem seus bigodes. Você, mulher, já depilou seu bigode essa semana?