Patrocinado
cabecalho grande 970x90

Rapaz é condenado por agressão sexual, mas se diz vítima de abuso por estar bêbado

rapaz e condenado por agressao sexual mas se diz vitima de abuso por estar bebado
de |

Um universitário foi expulso do Amherst College, em Massachusetts (EUA), e condenado na Justiça por agressão sexual após ter supostamente forçado uma outra estudante a fazer sexo oral nele. O caso aconteceu em 2012.

O condenado de 22 anos, identificado apenas como John Doe (Fulano), sempre alegou inocência. Na verdade, ele se diz vítima de abuso: após beber muito, argumenta, acabou desmaiando e recebendo sexo oral.

O advogado dele, Max D. Stern, conseguiu reabrir o caso após apresentar provas consideradas contundentes, contou o “Metro”.

A suposta vítima do abuso era companheira de quarto de uma jovem que John Doe namorava àquela época. Após o suposto estupro, a “vítima” escreveu uma mensagem de texto para a companheira de quarto:

“É muito óbvio que eu não era uma inocente espectadora”.

Depois, outra mensagem por celular:

“Oh, meu Deus, acabei de fazer uma coisa estúpida”.

O advogado também descobriu que, depois do suposto abuso, a “vítima” foi para o seu quarto com outro rapaz.

Ele testemunhou: “Ela parecia amigável, sedutora e animada. De jeito nenhum estava ansiosa, estressada, deprimida ou demonstrando agonia.”

Notícia do Page Not Found

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.